Primeiro/Terceiro Mundo


Às vezes nos perguntamos aqui, quem mesmo é terceiro mundo? hehehehhehehe


Claro que quando pensamos no caos político do Brasil e muitas vezes no social, violência, etc... lembramos quem seria o terceiro mundo...


Mas, em algumas coisas ficamos realmente lembrando o quanto o Brasil está à frente, por exemplo:


Bancos: Aqui não existe nosso famoso DOC, se você quer fazer uma transferência de dinheiro para outra conta de outro banco, você tem que sacar o dinheiro e depositar na conta de quem você deseja. Se desejar fazer uma transferência para uma conta de mesmo banco, tem que observar pois tem um limite de transferência por mês. Quando uma empresa quer fazer um pagamento a outra, ela manda um cheque (pelo correio).


Celular: Fique esperto, pois aqui ainda você paga para receber chamadas, principalmente nos pré-pagos, celular é caro e chato de usar, e quando você escolhe um plano pós-pago, tem que pesquisar com muita atenção para não pagar muito.


Algumas facilidades que temos no Brasil, aqui, nem pensar.... Mas quando vimos a facilidade de acesso à educação, e outras coisas que no Brasil parecem estar longe, aí lembramos. Mas precisamos definir bem o que é primeiro mundo pra gente, dentro de nós mesmos. Muitos que aqui estão preferem o primeiro mundo do Brasil do que o do Canadá.
O que faz mesmo um lugar ser primeiro mundo?


abraço

Comentários

Karol Britto disse…
É isso mesmo Well,
Dentro desta questão está: "Que primeiro mundo queremos para nós?"
E temos que pensar prioridades e em benefícios a longo prazo. Do meu ponto de vista, não vejo nada de mais sacar o dinheiro em um banco e ir depositar em outro. Mas é inadmissível que crianças que frequentam a 4 serie do primeiro ainda não saibam ler.
Acredito que esses pequenos detalhes existentes no Canadá não interferem na sociedade em si, mas já os "pequenos" deatkhes do Brasil...

Abraços,
Karol
CD1 disse…
eu acho que as coisas principais pra um país são educação, saúde e política. esses três quesitos não funcionam bem aqui no Brasil... esses recursos a mais que os bancos têm aqui, operadoras de celulares, etc. dão uma falsa impressão que as coisas funcionam bem, mas eu não acho que é bem assim.

eu pretendo sair do país no próximo ano, depois que terminar minha pós-graduação, e provavelmente irei pro Canadá mesmo (meu irmão mora em Toronto). já ouvi bons comentários daí, quero ver se no final das contas é melhor do que morar aqui no Brasil :)

au revoir!
Pedro Carneiro disse…
eh engracado mas eh exatamente assim well. qnd estamos aqui nao damos valor as coisas boas daqui. achamos que tudo eh ruim e nao funciona. de repente quando vivenciamos outro estilo de vida.. de repente, voltamos a dar valor ao q tinhamos de eficiente.
engracado nao eh verdade?
vou fazer a minha listinha em casa e depois posto no meu blog :)
outro dia, um amigo meu que mora na finlandia tava dizendo que a esposa dele quando veio pro brasil reclamou um bocado pq esperou 30min pro callcenter atender a lisgacao dela pra tim. ela falava q nd daquilo acontecia la. q o callcenter era uma maravilha na finlandia. quando ele xegou la, descobriu q la eh ainda pior q aqui. ele foi tentar resolver uma coisa pelo telefone e espero 1h pendurado na linha sem nem ser atendido :P
diferencas? kkkkkkkkkkkk tem n amigo. td lugar tem seus pontos bons e ruins.
ate mais well e familia. continuem assim. o blog eh show.
flavio_freitas disse…
Ola!
Vocês têm carro e já tentaram calibrar os pneus? Nao há um posto sequer que tenha uma bomba automática. Ao contrário do carro mais barato no Brasil, aqui você PODE trancar o carro com a chave dentro. E o ranger dos pisos de madeira nos apartamentos?
hehe mas vale qualquer coisa pela segurança.
***Zaninha*** disse…
Com certeza temos coisas por aqui no Brasil que são avançadas....mas todo lugar tem seus prós e seus contras! como tudo....
bjs Rô

Postagens mais visitadas deste blog

Imigração - Propaganda

Desafio da Coruja Vermelha

Estudando Medicina no Canadá