Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2010

Working Canada Tool

Passei no blog de um amigo Uruguaio/Canadense, que ainda não conheço pessoalmente, mas espero conhecê-lo um dia, e vi este vídeo abaixo que achei fantástico, na verdade não o vídeo mas a ferramenta.
Se na minha época de imigrante (que ainda sou.. heheheheh) tivesse tido acesso à essa ferramenta, minhas pesquisas tinham sido menos trabalhosas.

Mas fica aí a dica pra quem ainda tá vindo, o vídeo está em inglês, mas no site me parece ter uma versão em francês, o site é www.workingincanada.gc.ca.
Boas pesquisas...
Abraço
A esperança dos justos é alegria, mas a expectação dos perversos perecerá. Prov. 10:28

Horário de Verão

Imagem
Com o começo do horário de verão no Brasil neste final de semana, a diferença de horários entre Brasil (maior parte) e Canadá (Montreal) será de duas horas.
Acertem aí os relógios, agora será mais difícil falar com os nossos queridos, e ainda mais no final do mês quando o horário de verão do Canadá acaba, aí a diferença será de 3 horas.
O Frio tá chegou de vez, parece que este ano vai ser mais rigoroso, em algumas parte de Quebec nevou ontem, noticiado no jornal daqui, então parece que acabou a moleza mesmo.
Os últimos dois invernos "lights" que tivemos parece que não vai ter mais.
abraço
Lembro-me dos dias antigos; considero todos os teus feitos; medito na obra das tuas mãos. Salmos 143:5

Produtos Brasileiros para os Canadenses

Imagem
Após a viagem ao Brasil, trouxe alguns souvenirs para meus colegas de trabalho experimentarem, souvenirs alimentícios.Trouxe paçoca, sonho de valsa, serenata, biz, bananinha, guaraná, suco de caju, etc. Mas pude perceber algum medo em relação à alguns produtos, tirando os chocolates que foram aprovados imediatamente,no guaraná e suco de caju, muita desconfiança, cheirando antes, fazendo perguntas, tantas que cheguei ao ponto de ficar constrangido.Fazer o que né? Por exemplo a maioria não sabia que caju era uma fruta, conhecem apenas a castanha, e outros até pensavam que se colhia diretamente a castanha. Nunca ouviram falar de guaraná, só meu chefe, que por sinal gosta muito do guaraná antarctica, conhecia.A próxima vez trago só os chocolates mesmo... hehehehehehabraçoPegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão. Marcos 16:18

Empregos - Notícias

Imagem
A Suzel me mandou a reportagem abaixo (em francês) falando sobre o aumento de empregos no Canadá, especialmente no Quebec. O texto foi publicado no site do banco Desjardins.
23 AOÛT 2010Les entreprises continuent d'embaucher au pays Au lendemain de la publication de données désastreuses aux États-Unis, le Conference Board a dévoilé un rapport au ton nettement optimiste pour le Canada. Les perspectives d'embauche sont à la hausse dans 19 des 27 villes de plus de 100 000 habitants du pays, indique-t-on. Et le Québec fait très bonne figure.
Quatre des cinq grandes villes du Québec - Montréal, Sherbrooke, Trois-Rivières et Saguenay - affichent des perspectives d'embauches à la hausse pour les prochains mois, selon l'étude mensuelle. La région administrative d'Ottawa-Gatineau aussi. Seule la Vieille Capitale devrait voir le nombre de nouveaux postes reculer.
Le marché de l'emploi a été particulièrement vigoureux à Montréal avec l'ajout de 40 000 nouveaux postes pen…

Notícias de Esporte

Imagem
Saiu no Jornal de LaSalle a seguinte notícia sobre esportes...


Les filles de l'équipe ITALIE de la ligue de soccer du Lac Saint-Louis, catégorie 11-12 ans, ont remporté la médaille d'or du Soccerfest et le championnat de la ligue contre l'équipe de Verdun. Cette même équipe représentera sa division au championnat régional présenté à Hudson les 18 et 19 septembre. Bravo et bonne chance les filles.
Linda do papai!
Abraço
Guarda os meus mandamentos e vive; e a minha lei, como a menina dos teus olhos. Provérbios 7:2

Voltando ao Brasil

Imagem
Depois de 2 anos e meio no Canadá, voltei ao Brasil à trabalho. Antes de falar sobre as sensações e experiências, quero numerar alguns detalhes que podem influenciar nas minhas sensações:
1) Voltei ao Brasil sozinho, a família ficou em Montréal; 2) Não fiquei em apenas uma cidade, visitei Brasília (minha cidade) apenas 2 finais de semana;
Assim que cheguei paguei alguns micos, quando por exemplo me dirigia à alguém no aeroporto ou na rua, em inglês ou francês, demorou um pouco até me situar.
Visitei algumas cidades como Rio e São Paulo e me senti um estrangeiro literalmente, com receio de ser passado pra trás ou ser assaltado, creio que isso foi devido a ouvir histórias de imigrantes dessas cidades, conselhos e até mesmo ver pequenas coisas acontecendo. Me senti bem inseguro, mais até do que quando morava no Brasil.
Na minha cidade (Brasília), conhecida pela secura, nunca tive problemas com a seca, sempre até achei estranho gente reclamando que o ar estava seco, mas chegando lá, senti como…