Imigrar ou Não Imigrar - Opiniões


Algumas pessoas me pediram para dar minha opinião sobre alguns sites e blogs (que não vou citar aqui) que desaconselham veemente à imigração ao Canadá, dizendo que é uma fraude, etc... Então esta é minha opinião, como de outras pessoas podem ser completamente ao contrário da minha, então há de se respeitar a minha também né? heheheheheheheh

Bem, primeiramente sei que num momento de tanta insegurança, mudanças, decisões e falta de informações ler tanto os sites que desaconselham (alguns bem críticos), quanto os que aconselham (alguns falam até bem demais... hehehehe), pode ser motivo de decisões afetadas, mexendo com nossas emoções e segurança.

O Canadá não é o melhor país do mundo, o Brasil também não, e mesmo se existir o melhor país do mundo, essa definição seria dada por alguém que o achou assim, mas para outro pode não ser.

O Sucesso de uma imigração está no planejamento, quanto mais detalhado, mais pesquisado, mais elaborado, mais reestudado, mais pensado e mais preparado, melhor será a adaptação e o sucesso da mesma.

Mas seu planejamento pode não dar certo por uma penca de motivos, e daí? deu errado e agora? Ficar de braços cruzados e chorar a morte da bezerra?

No planejamento deve constar o plano A, B, C e N com já disse aqui anteriormente. Inclusive a possibilidade de voltar.

Creio que toda opinião tem influência de emoções nem que seja um pouco, os otimistas diriam: Se der errado pelo menos terei a experiência, estudarei uma nova língua e não ficarei pensando se poderia ter dado certo ou não. Os pessimistas diriam: Nem vou tentar ou Não deveria ter feito isso, foi a pior decisão da minha vida.

Além disso podemos incluir na lista dos otimistas e pessimistas as seguintes pessoas:

No lado dos otimistas:

1) Aqueles que são otimistas ao extremo, e que vem coisas boas até nas ruins, hehehehehhe, que chegam a ser irreais;

2) Os que deram tudo tão certo acima do normal que não é relativo ao resto das pessoas, por exemplo, alguém que veio e achou um monte de dinheiro no chão e diz que no país que imigrou se acha dinheiro no chão;

3) Os terroristas, aqueles que se deram mal em alguma ação e indicam mesmo assim para verem outros quebrarem a cara (os falsos otimistas);

No lado dos pessimistas temos:

1) Aqueles que em tudo deu errado e aquilo passa a ser a pior experiência de vida e não presta mais pra ninguém;

2) Os Egoístas, tá tudo bem mas não quero ninguém da minha terra aqui para atrapalhar (ou de qualquer outro lugar);

3) Os terroristas, que fazem de tudo para que a pessoa não imigre por vários motivos, desilusão, raiva e até mesmo por racismo ou preconceito, inveja, etc;

E então? sua decisão será tomada pela experiência de outros ou pelo seu planejamento?

Creio que uma mudança de vida tão grande não deve ser baseada na experiência de outros né? As experiências servem para aprender e analisar, mas creio que tomar decisões por experiências de terceiros sem análise dos fatos é perigoso.

Alguns imigrantes pararem de escrever em seus blogs pois suas experiências fizeram outras pessoas decidirem seus futuros, a pessoa quebrou a cara e foi cobrar do blogueiro hehehhehehe, cadê meu sucesso? O Blog é um lugar onde colocamos nossas experiências e informações que podem ou não ajudar no processo após a decisão já tomada.

Mas na leitura dos blogs podemos identificar palavras muito fortes que podem entregar se o cara é otimista demais ou nã0, que são: sempre, nunca, tudo, nada, extremamente horrível, tudo maravilhoso, aqui não tem defeito, aqui nada presta e outros.

Li um uma parte de um certo blog que me enviaram, nem quis ler tudo pois é deprimente, o cara não achou nada, completamente nada de bom no Canadá, ele está completamente revoltado, mas será que é tudo ruim mesmo? não tem nada de bom? Ele até menciona que voltou ao Brasil com a esposa canadense... e a esposa? não foi uma coisa boa? hehehehehhehe... Mas este meu discurso é otimista né? Um outro amigo daria outro relatório pela experiência que teve... Então planejar em cima da sua razão de querer sair do seu país é que está mais correto.

Quanto às experiências, sempre analise, este imigrante teve a experiência x e não foi bem sucedido e o outro imigrante como foi a experiência dele, se foi a mesma já podemos anotar, mas quanto mais experiências melhor, e porque não deu certo para aquele?

Mas gostaria de adicionar uma coisa que nunca falha, a vontade de Deus, antes que tal consultar o Dono do universo? - o melhor lugar para estarmos é debaixo da vontade de Deus!

abraço

Comentários

Bea disse…
Oi pessoal, ótimo post!

Acho que o sucesso além de partir da vontade de cada um, parte também da situação de cada um. Tipo, profissão, $ disponível, família, cursos, línguas que possui, etc.

São diversos fatores que ajudam a montar um perfil que pode ou não ter sucesso rapidamente, à médio prazo ou não.

Quem fica frustrado provavelmente é pq não planejou direito, não tentou o suficiente e pior, não tinha mente aberta o suficiente para olhar as oportunidades e aproveitá-las.

Acho que oportunidade é tudo. Elas estão aí, muitas vezes somos nós que não enxergamos e depois saimos falando mal.

Claro que num projeto desses, ninguém quer imigrar pra lavar chão em outro país, mas existem certos empregos que você não faria no brasil que aí por exemplo, pagam razoavelmente e que vc tem a possibilidade de fazer uma rede de contatos e treinar a língua. O que é melhor? Trabalhar ou ficar em casa deprimido, sem $ e com a língua travada?

Se tudo der certo pra gente (na entrevista), eu pretendo fazer com que no Quèbec dê certo sim. Se eu não me sentir a pessoa mais feliz do mundo, farei a minha filha feliz e que ela tenha um mar de possibilidades. Isso pra mim é o mais importante.

Abraços :)
OI Wellington, Tudo bem?
Olha muitooooooo obrigada por este post!!!
E por realizar meu pedido. É muito importante que se coloque estas questões, principalmente para quem está em processo de imigração; pois precisam de muito apoio. Meu email é: cdeprteixeira@gmail.com
Muita paz, saúde e sucesso para vc e sua família.
Pra mim uma coisa é bem clara: sucesso = oportunidade X preparação.
Se vc tiver oportunidade e não estiver preparado, provavelmente nem vai reconhecê-la. Se vc tiver preparado mas não tiver oportunidade, não terá sucesso. Agora, se a oportunidade bate à sua porta e vc estiver preparado, aí sim, o sucesso é conseqüência.
Além disso, eu acredito que levamos conosco o que há de positivo e negativo das nossas vidas.
Se vc é uma pessoa que não se prepara, que não vai atrás dos seus sonhos, que não busca conhecimento, que não tem metas definidas, que não crê no seu sucesso, que não sabe lhe dar com algumas frustrações, que não tem fé e que espera que as coisas caiam do céu.... provavelmente vai levar mais tempo para se adaptar aqui ou até mesmo vai voltar para o Brasil por cima do rastro.
Agora, se você se prepara, tem metas definidas, sabe o que quer, que acredita no seu potencial, no seu sucesso, que carrega em você a vontade e a certeza de vencer, que sabe lhe dar com algumas frustrações (porque aqui vc vai receber “nãos”), que tem fé (muito importante), que não espera que as coisas caiam do céu e que tira os “pés do chão” faz a sua vida acontecer... provavelmente vai ser muito feliz aqui.
Eu estou aqui há dois meses, já me deparei com alguns “nãos”, mas não me dei por vencida.
Eu creio em Deus, creio que vim pra cá pra vencer e vou vencer!
Ser feliz aqui só depende de mim! É nisso que eu acredito!
Imigrar nao e fazer intercambio ou estudar fora do pais com data pra voltar. E largar a vida num pais onde vc esta acostumado para recomecar em outro pais. Pela minha experiencia e desesperador no comeco!!! O importante e manter o foco nos planos A B C D e N algum vai dar certo com certeza. Importante, tbm, e ter em mente que cada cultura tem os seus costumes que as vezes podem nao fazer sentido para nos imigrantes. Bom, vc nao precisa concordar com essa nova maneira de viver, mas e preciso compreender para melhor se integrar. E uma escolha pessoal, imigrar ou nao/ se integrar ou nao.
Simone disse…
Muito bom o post, já estou aqui então minha decisão já foi tomada. O mais importante realmente é consultar a vontade de Deus, e mesmo com o sim Dele ter em mente que começo é começo, é dificil, tem adapatação e temos que ser humildes né?
Fiquei muito curiosa pra ler esses blogues que vc falou, os que as pessoas não aconselham. Vc podia me mandar por email? simonessoares@gmail.com
Beta disse…
Well, Gostei muito do post. É muito importante termos em mente que os blogs são repletos de sentimentos e percepções pessoais. Regados de 1 único ponto de vista. Estou com a entrevista marcada, mas tenho acompanhado diversos blogs. E é sempre bom lembrar que não podemos, nem devemos acreditar ou confiar em tudo que lemos... Parabéns a todos que foram, superaram as dificuldades e ficaram!
Ti disse…
muito bom o post: lúcido. uma coisa interessante do blog que vc "menciona" é que o cara não conta a história dele claramente e outra coisa, tudo é culpa do país. não há uma pequena porção que seja de autoanálise....um abraço! Ticiana
inara disse…
Obrigada.
VC está extremamente certo, as impressões; opiniões colocadas no blog servem para nos orientar e não influenciar.
E a vontade DELE e também nosso esforço pessoal e que vai determinar tudo.
ABRAÇO PRA VCS!
INARA
Raphael disse…
Ola!! Muito legal seu post!! Tem gente que gosta de reclamar de tudo e não faz nada para mudar a vida. Quer que tudo mude sem tomar atitudes. Sem agir, nada muda. Acho que me considero um dos muito otimistas ai do seu post, mas sou um otimista atuante. Que não para! Que esta sempre atras de novas conquistas e novos objetivos. Quando me perguntam como conseguimos tanta coisa em tão pouco tempo aqui em Montréal sempre falo que me planejo muito e estou SEMPRE (olha ai a força das palavras hehehehe) atras de novas conquistas. Não gosto de "deixar a vida me levar" e sim prefiro tomar as rédeas e então leva-la! Imigrar é pra poucos! É pra quem tem atitude e quer mudar. Não vale de nada você tomar essa atitude e continuar fazendo as mesmas coisas que fazia no Brasil e reclamando sempre das mesmas coisas. Vai perder seu tempo, seu dinheiro e sua vida. Um grande abraço e continue postando coisas bastante uteis como faz a bastante tempo!

Postagens mais visitadas deste blog

Imigração - Propaganda

Desafio da Coruja Vermelha

Estudando Medicina no Canadá