Primeira Semana longe do Brasil...

Isso mesmo!!!! já se passou uma semana, ainda achamos que estamos de férias, a ficha ainda não caiu, estou preocupado com as crianças, pois estão perguntando, sem notar, pelos amigos, mas elas já sabem que vamos morar no Canadá, mas fica bem claro que não está totalmente claro para elas... estamos orando para que Deus minimize este sofrimento que elas vão passar e nós também... afinal foi uma escolha nossa e não delas.

Estamos no EUA, e aqui não somos tão bem tratados pelos americanos como somos no Brasil, somente quando achamos um brasileiro, aí sim, encontramos uma Brasileira chamada Elzi que trabalha na Universal, que foi muito gente boa conosco, conversamos em Inglês, Francês e Português, é claro.

Aqui nos sentimos como "coisas" e não gente, e resolvemos vestir a camisa (veja a foto abaixo... rs), mas a Elzi (a brasileira que encontramos) disse que vamos gostar muito do Canadá, que lá as pessoas são mais humanas e simples, será? veremos!!!


Até ontem a noite, só tínhamos comido besteira, sanduiches e etc... Até diarréia deu (bem básica, nada tão diarréia assim!), mas encontramos um restaurante brasileiro, com muito brasileiro (e que bagunça!!!... rs), e podemos comer o básico, arroz, feijão, bife e salada, a Suzel até ficou emocionada... kkkkkkkkkkkkkkk.

Já aqui começamos a fazer compras com produtos de teste, para ver o que encontramos que será parecido com o que comemos no Brasil, pelo menos o suco de laranja que gostamos já achamos, achamos também morangos, e cada morangão que vocês precisam ver. Teremos algumas aulas de supermercado com amigos de Boston, para onde embarcamos no domingo a noite.

O difícil está sendo carregar tanta mala pra cima e pra baixo. No mais está sendo muito bom o tempo com a família, sentimos falta de nossos amigos, Wanderley e Marta e Fabiano e Nádia, além de muitos outros, mas seria muito bom passar esses momentos aqui com eles.

abraço a todos

Comentários

Família,
Aproveite bastante e continue confiando em Deus!
Abraço,
Andreia e Dmitri
Aproveitem ao máximo.
O depois acontecerá mesmo...
Abraços,
Andreia e Dmitri
Rodrigo disse…
Wellington, Realmente as crianças são as que vão sentir mais a falta da família e amigos! Caberá a vocês apoiá-las... (Que Responsa, né?).
O Senhor é quem nos sustenta!
Boa viagem... Curtam bastante...

Postagens mais visitadas deste blog

Imigração - Propaganda

50 profissões que o Canadá deseja

Desafio da Coruja Vermelha