Direito, Preconceito ou Cultura?


Só para saberem o que tem acontecido por aqui no que diz respeito às multiformes culturas de Montreal, vocês não imaginam quantas pessoas de diferentes países encontramos aqui, cada um com sua cultura e muitos tentando manter suas tradições e costumes por aqui... Vejam a reportagem abaixo, que saiu até mesmo no Brasil.

Direito, preconceito ou cultura? Intolerância (de qual lado?), na verdade nunca chegaremos à um concenso... Cada um vai ter sua opinião, eu tenho a minha.

Muitas vezes nos preocupamos com tradições muito pesadas que não nos leva a nada, com imposições tanto para fazer quanto não fazer, mas nos esquecemos de coisas simples e importantes do nosso dia a dia.

CANADÁ

Escola expulsa aluna por usar véu integral nas aulas


Uma estudante residente no estado do Quebeque, Canadá, foi expulsa da escola de St-Laurent, em Montreal, por assistir às aulas com um nicab (véu integral que só permite ver os olhos).

Segundo revelou o jornal canadiano La Presse, a aluna em causa é uma imigrante egípcia que obteve autorização de residência no Quebeque e aprendia francês, o idioma principal deste estado.

O problema arrastava-se desde Novembro de 2009, quando a jovem muçulmana recusou todos os pedidos da professora de francês - e da própria direcção da escola - para mostrar o rosto nas aulas, alegando que se encontravam homens na sala, e entrou em conflito com os colegas mesmo depois de se lhe ter permitido falar de costas para a turma, como exigira.

O Partido do Quebeque, na oposição, defende a interdição dos véus integrais nas escolas públicas por violarem o princípio da igualdade. Entretanto, a imigrante apresentou queixa à Comissão dos Direitos Humanos do estado.


Fonte: DN Globo


abraço


Os retos fazem o seu caminho desviar-se do mal; o que guarda o seu caminho preserva a sua alma. Prov. 16:17

Comentários

Família Ramos disse…
Pessoalmente acho inaceitável o uso desse tipo de vestimenta fora do oriente médio. Por quê? simples: se o imigrante aceita sair de seu país de origem ele assume, mesmo que implicitamente, que aceita se adequar às condições, hábitos e costumes do país que o recebe. Se o imigrante é hindu, islâmico ou seja lá qual for a sua crença, ele sabe que vai para um país primordialmente fundado e desenvolvido por cristãos (no caso do Canada, Australia, EUA etc), então trate de se adequar e não querer que o país se adeque à sua vontade.

Abraços,
Alessander
CHUCHUS disse…
Well,

depois dá uma olhada lá no nosso blog e vê o que eu postei. Tenho o outro lado da história! rs

Abraços, Ju.

Postagens mais visitadas deste blog

Imigração - Propaganda

Desafio da Coruja Vermelha

Estudando Medicina no Canadá